Estudos científicos mostram que crescer em uma casa com livros faz bem

Menina com livros (Foto: Yuliya Yesina via Shutterstock)

Todos os bibliófilos sabem que nada bate uma biblioteca doméstica bem abastecida. E, de acordo com pesquisas recentes, estar cercado por livros não é apenas prazeroso – também é bom para você!

Em “Cultura acadêmica: como os livros na adolescência aprimoram a alfabetização de adultos, numeramento e habilidades tecnológicas em 31 sociedades”, a Dra. Joanna Sikora, da Universidade Nacional Australiana, discute a importância do acesso a materiais de leitura em casa. Neste artigo, ela observa que o crescimento rodeado de livros pode ter uma influência positiva no início da vida, já que “imergir crianças em ambientes orientados a livros beneficia sua mais recente conquista educacional, realização e posição ocupacional”.

Sikora, cuja especialidade reside na sociologia e na educação, chegou a essas conclusões depois de conduzir um estudo sobre alfabetização baseado em uma pesquisa. Nesta pesquisa, ela perguntou a 160.000 adultos (entre 25 e 65 anos) de 31 países sobre sua criação. Especificamente, ela pediu que eles lembrassem o número de livros que tinham em casa quando tinham 16 anos de idade.

Supondo que um metro de prateleiras equivale a cerca de 40 livros, a resposta média foi de 115. Usando essas informações, Sikora conseguiu deduzir que os adolescentes com menos de 80 livros em suas residências tinham níveis de alfabetização e numeração abaixo da média quando adultos. A parte mais surpreendente? De acordo com os dados, adolescentes sem um diploma universitário, mas uma grande biblioteca doméstica, tipicamente “tornam-se alfabetizados, numerosos e tecnologicamente aptos na idade adulta, como graduados em universidades que cresceram com apenas alguns livros”.

Finalmente, uma desculpa para estocar suas prateleiras com coleções ilimitadas de livros!

Bibliófilos ao longo da vida, regozijem-se! De acordo com um novo estudo científico, crescer com livros pode ter benefícios duradouros que começam cedo na vida.

Bebê com livros (Foto: LeManna via Shutterstock)

h / t: [Cultura aberta, The Guardian]

Via: My Modern Met

Compartilhe, se você curtiu esse post!

Simple Share Buttons