Fotos de drone destacam a simetria da arquitetura de Barcelona

O fotógrafo húngaro Márton Mogyorósy dá uma visão panorâmica de Barcelona através de lindas fotografias aéreas. Evitando monumentos bem vestidos como a Sagrada Família e La Rambla em favor de jóias menos conhecidas, Mogyorósy faz um passeio inesperado pela cidade por terra e mar.

Focando na simetria única da paisagem urbana, Mogyorósy escolhe elementos de geometria em cada composição. Quer sejam cubos de cimento caindo no mar ou triângulos, retângulos e semicírculos de blocos de alojamento bem posicionados, as formas repetidas dão a cada fotografia sua harmonia visual.

Várias imagens da série se concentram no edifício de apartamentos Walden 7 localizado nos arredores de Barcelona, em Sant Just Desvern. Projetado pelo mestre arquiteto espanhol Ricardo Bofill, que é conhecido por transformar uma fábrica de cimento abandonada em sua casa, as torres curvas são um labirinto vertical de pátios interligados. Nas fotos aéreas, a arquitetura se parece com bonecas, com cada peça contribuindo para a estética geral.

Através de seu trabalho, Mogyorósy prova como a fotografia drone pode ser atraente. Subindo alto no céu, este instrumento oferece uma perspectiva única do mundo, abrindo uma nova maneira de olhar para qualquer ambiente. Com essa visão da capital da Catalunha, podemos ganhar uma nova apreciação pelos blocos de construção menores do tecido urbano. Cada cubo e cada curva ajudam a dar forma e dimensão à arquitetura que forma a personalidade da cidade. E graças ao trabalho de Mogyorósy, esses pequenos detalhes recebem os holofotes que merecem.

As fotos dos drones de Márton Mogyorósy destacam a simetria e a geometria únicas encontradas no ambiente urbano de Barcelona.

Via: My Modern Met

Compartilhe, se você acha Barcelona linda!

Simple Share Buttons