Este homem se veste de Batman para transportar animais de resgate para seus novos lares

Existem tantos animais que precisam ser resgatados de situações perigosas que poderíamos realmente usar a ajuda de um super-herói. Bem, acontece que o Batman esteve aqui por nós o tempo todo – mais ou menos. Chris Van Dorn não é Bruce Wayne, mas ele veste uma fantasia como o famoso herói de capa. Vestido com a roupa icônica e equipado com o seu fiel “Bat Mobile”, ele é um transporte de animais para cães e gatos que precisa de assistência para chegar a um estabelecimento de não-morte, adotivo ou para sempre em casa. Van Dorn está sediada na Flórida e viaja dentro e fora do estado para garantir que esses animais tenham uma viagem segura.

Van Dorn foi chamado para esse trabalho depois que ele e sua família resgataram seu cachorro, Mr.Boots – um pastor australiano. Boots foi encontrado emaciado e vagando pelos bosques do Alabama. Com a ajuda de algumas organizações sem fins lucrativos, incluindo uma que levou Boots para a segurança, ele foi um membro amado da tribo de Van Dorn. A história de Boots inspirou o homem a retribuir, e ele criou a organização sem fins lucrativos Batman4Paws. Foi criado em 2014, e Van Dorn ajudou vários animais desde então.

Conversamos com Van Dorn sobre o trabalho dele, desde como começou até onde está indo – incluindo como você pode apoiar os esforços dele.

De onde surgiu a ideia de se vestir como Batman?

A ideia de me vestir como Batman veio até mim enquanto eu estava no chuveiro tentando pensar no que eu queria que minha organização sem fins lucrativos incorporasse. Eu estava meio que me lembrando de atos aleatórios de bondade e me lembrei de ver um cara chamado Lenny Robinson que se voluntariava nos hospitais infantis como Batman. Ele tinha um vídeo viral dele sendo parado no caminho para o hospital, e foi aí que me ocorreu que trazer Batman e todo o bem que ele simboliza para o resgate de animais seria uma ideia bem legal.

Batman, também conhecido como Chris van Dorn e Robin, também conhecido como Mr.BootsFoto: GoFundMe

Você iniciou o Batman4Paws depois de trazer para casa seu próprio amigo de peles, Mr.Boots. Você pode descrever o processo de adoção e como ele o inspirou a agir?

O processo de adoção com o Sr.Boots foi através de uma organização sem fins lucrativos chamada Dog Liberator e meu pai teve que escrever um ensaio sobre em que tipo de ambiente o Sr.Boots estaria e basicamente como seria a vida cotidiana geral para ele. Toda a minha família cresceu em torno de animais e é bem claro que todos somos grandes amantes de animais, então nossa inscrição foi aceita e o Sr.Boots faz parte da família desde então.

Ter Mr.Boots realmente impactou não apenas eu, mas toda a minha família. Ele realmente é um cão especial, é tão atencioso, louco e inteligente, que é quase estranho. Ele consegue entender palavras como “andar” e “estacionar cães” e se levanta e fica olhando para você até que você o leve. Ele também me deixou mais saudável por ser mais ativo e toda a sua história de resgate sendo encontrada vagando pela floresta no Alabama e sendo levada para a segurança pela Pilots N Paws foi realmente inspiradora para mim, já que eu também estava obtendo minha licença de piloto. Fico muito feliz em devolver isso a outra pessoa e poder pagar com seu próprio animal de resgate especial.

Você embarca em viagens de longa distância para ajudar a resgatar animais. Qual é a distância que você já viajou?

O resgate mais longo e mais difícil que Batman empreendeu foi o projeto Polk County Bully com a SPCA da Flórida, que tem como objetivo não matar o condado de Polk até 2025. Infelizmente, atualmente é o abrigo número um na Flórida. Batman foi de Orlando, Flórida, a Addison, Vermont, com uma parada noturna na casa de sua tia em Reading, Pensilvânia.

Esse resgate foi difícil de várias maneiras. O primeiro foi apenas a quantidade de cães que ele teve que caber em seu Batmóvel. Batman teve que convencer Ty (um American Bully de 90 lb), Bella (um Mix de Pit Bull de 60 lb) e dois filhotes de Pit Bull chamados Zeus e Ace para caber em seu pequeno Honda Accord de duas portas. Depois, lidou com todas as paradas ao longo do caminho, garantindo que cada cachorro tivesse tempo suficiente para usar o banheiro. Ace e Zeus, os dois filhotes eram definitivamente um punhado por conta própria. Eles acabaram fazendo uma bagunça bem grande na garagem de sua tia. Eles eram esses cachorrinhos adoráveis por fora, mas por dentro eram demônios da Tasmânia.

Qual é a sua história de resgate mais memorável como Batman?

É difícil escolher apenas uma história de resgate memorável, pois todas são tão únicas e importantes. É parte do motivo de eu ter iniciado um blog. Eu queria poder destacar as jornadas milagrosas que esses animais notáveis passam para chegar onde estão.

Ollie, o Shih Tzu, escapou de uma fábrica de cachorros Amish; Bella foi encontrada na casa de seu dono semanas depois que seu antigo dono faleceu; e Linda, a Schnauzer, escapou do duro conflito político e econômico da Venezuela para se tornar um adotivo em Miami e encontrou sua mãe eterna na Carolina do Sul.

Além de todas essas experiências traumáticas, a maioria delas escapou por pouco de ser sacrificada. Mas se eu tivesse que escolher uma, diria que a história mais importante para mim é a história de resgate do meu cachorro, Mr.Boots, porque foi o catalisador que me levou a resgatar animais em primeiro lugar, juntamente com o veganismo.

Você quer crescer o Batman4Paws. Como você visualiza esse crescimento?

Minha visão imediata para o Batman4Paws é expandir para um veículo maior, como um RV, o que permitirá não apenas levar mais animais com mais conforto, mas também percorrer distâncias maiores. Estou conversando com Thor Motorhomes para obter o patrocínio, espero que isso aconteça. Eu também gostaria de criar uma equipe de super-heróis que possam resgatar animais em todo o mundo, para que não apenas dependa de mim, mas inspire outras pessoas a se envolverem, dobrando e triplicando o impacto e os animais salvos.

O que você acha que é a coisa mais produtiva que os amantes de animais podem fazer para apoiar animais de estimação de resgate, mesmo que eles mesmos não possam resgatar um animal?

Eu acho que a melhor maneira para outras pessoas ajudarem os animais necessitados, se eles não podem dar um lar amoroso para um animal de estimação, é se voluntariar em seu abrigo local e se envolver. Se eles não podem fazer isso, eu diria doar para a causa. Se eles gostariam de começar a transportar animais de estimação como o Batman, existe um site incrível chamado Doobert que ajuda a levar animais de estimação a novas casas e é assim que o Batman começa.

Qual é a melhor maneira de apoiar sua organização?

A melhor maneira de apoiar o Batman4Paws é dar a um cão ou gato um lar amoroso. Quando as gaiolas estiverem vazias, Batman poderá se aposentar. Se eles quiserem doar para a causa dele, esvaziando as gaiolas, podem acessar o site dele.

Batman4Paws: Site | Instagram | Facebook

 

Via: My Modern Met

Copied!